“Saúde Caixa: eu defendo” ecoa por todo o Brasil

saude-caixa.jpg

Os empregados da da Caixa se mobilizaram no Dia Nacional em Defesa Do Saúde Caixa

Os empregados da Caixa de todo o Brasil se mobilizarama, nesta quinta-feira (24), no Dia Nacional em Defesa Do Saúde Caixa. Desde 2004, a Caixa paga 70% das despesas assistenciais e aos usuários cabem os outros 30%. As resoluções publicadas pelo Governo e a recente alteração no estatuto da Caixa propõem um limite correspondente a 6,5% da Folha de Pagamento para a participação da Caixa nessas despesas, à revelia do que prevê o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

Clique aqui para ver a galeria de fotos do Dia Nacional em Defesa Do Saúde Caixa

Fabiana Uehara Proschodlt, secretária de Cultura da Contraf-CUT e representante da entidade na Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa), lamenta as ameaças e os ataques sofridos pelo plano do plano de saúde dos empregados do banco. “O Saúde Caixa é uma das maiores conquistas da luta dos empregados. É essencial que todos os beneficiários do nosso plano de saúde encampem a campanha ‘Saúde Caixa: eu defendo’. A mobilização hoje foi importante para reforçar a campanha e também a mesa de negociação. Juntos somos mais! Juntos vamos manter essa conquista.”

O Saúde Caixa acumulou superávit que chegava a R$ 670 milhões em 2016. Dados mais recentes permanecem restritos à gestão do banco, que não deu ainda a devida transparência ao relatório atuarial de 2017.

Fonte: Contraf-CUT